terça-feira, fevereiro 15, 2011

Acredite se quiser

Como diz a Patola, vou "ticar" mais um ítem da minha lista de afazeres mundanos:
DESFILAR EM CIMA DE UM CARRO ALEGÓRICO, COMO CONVIDADA, (graças a um amigo), LEVANDO OUTROS AMIGOS COMIGO, E, O MAIS LEGAL: NO CARRO ABRE ALAS!
Tô adorando. Senti uma vibe tão boa na avenida, domingo passado (é.... carro abre alas tem ensaio!), que tive certeza do quão me fará bem essa empreitada.
E que os deuses do samba nos abençõe.

Mais uma locução. Essa é bem antiga.

Herta Müller disse:

"Onde a pele dos meus joelhos tinha se esfolado, a carne ardia e tive medo de não estar mais viva de tanta dor, e ao mesmo tempo sabia que estava viva, porque ainda estava doendo. Tive medo que a morte entrasse em mim pelos joelhos abertos, e rapidamente coloquei as palmas das mãos sobre os ferimentos.
E, como eu ainda estava viva, veio o ódo".

Locução "Caras" pela Plug In

video

terça-feira, fevereiro 01, 2011

Uma pérola

E não é que minha mãe começa a zapear a TV e resolve parar pra assistir a um filme?
E qual filme?
"X Men"... só que o último.
Ela já tinha visto algum antes? Sabia o que que era um mutante? Conhecia algo da história?
Claaaaro que não... então fui explicando por alto, falando dos personagens... Coisas básicas.
Acaba o filme, ela fala:
"Adorei os mutantes, mas quem salvou todo mundo foi o Venturini, né? O das garras de aço".
Sim... ela quis dizer Wolverine.
Adoro a despretensão.
Vou dormir feliz de tanto rir.
Obrigada, Alina.